Conselho de Administração

Daniel Proença de Carvalho

Presidente

Daniel Proença de Carvalho nasceu na Soalheira, Fundão, em 15 de setembro de 1941. Em 1965 licenciou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, tendo iniciado a sua vida profissional como magistrado do Ministério Público e inspetor da Polícia Judiciária.

Em 1968 abandonou a Função Pública, passando desde então a dedicar-se à advocacia, atividade que exerce atualmente.

De 1976 a 1977 foi diretor do Jornal Novo e membro do Conselho de Imprensa em representação dos diretores dos jornais diários.

Em 1978/79 foi ministro da Comunicação Social no 4.º Governo Constitucional presidido por Mota Pinto e de 1980 a 1983 foi presidente da Rádio Televisão Portuguesa.

A par com a profissão de advogado, é presidente do Conselho de Curadores da Fundação Champalimaud e da Fundação Batalha de Aljubarrota e presidente da Assembleia Geral do Instituto Português de Corporate Governance.

No setor empresarial desempenha funções nas seguintes empresas:

– Presidente do Conselho de Administração da Cimpor – Cimentos de Portugal, SGPS, S,A.
– Presidente da Mesa da Assembleia Geral de várias sociedades, entre elas:
– Galp Energia, SGPS, S.A.;
– Renova – Fábrica de Papel do Almonda, S.A.;
– INTEROCEÂNICO – CAPITAL, SGPS, S.A.

É autor de vários livros sobre a Justiça e numerosos artigos sobre Comunicação Social.

Victor Manuel Espinheira Lemos Ribeiro

Administrador

Victor Manuel Espinheira Lemos Ribeiro nasceu em 8 de dezembro de 1961, tendo-se licenciado em Economia na Faculdade de Economia do Porto (1985). Possui um MBA pela Universidade Nova de Lisboa (1988).

Em 1985 iniciou a sua carreira profissional na Sociedade Têxtil de Lousado, onde desempenhou o cargo de diretor administrativo e financeiro até 1987. Em 1988 transferiu-se para empresa Coelima – Indústrias Têxteis, onde passou a integrar a equipa de projeto responsável pelo reposicionamento global da linha de produtos da empresa. Como parte desta equipa foi responsável de importantes sub-projetos tais como a gestão de forças de vendas, previsão de vendas e gestão de encomendas, compra de matérias-primas, planeamento de produção e otimização de margens, entre outros. Foi ainda diretor de marketing da Coelima entre 1988 e 1991.

Em 1991 aceitou o convite para integrar a Fujifilm Portuguesa onde desempenhou as funções de subdiretor geral com responsabilidades nas áreas de marketing, vendas, recursos humanos, serviços administrativos e financeiros com reporte à Fuji Dusseldorf. Durante a sua gestão na Fuji Portuguesa, a empresa tornou-se líder de mercado, destronando a Kodak em Portugal.

Em 1994 assume a responsabilidade de administrador das vendas, marketing e logística da Grupo Lacto Ibérica. A sua principal missão foi a integração das culturas distintas das 5 empresas do grupo de produção de lacticínios, criando e dinamizando a nova equipa de vendas, marketing e logística, promovendo o crescimento sustentável e rentável da companhia, que seria posteriormente vendida ao grupo líder francês Bel Industries (Fromageries Bel) em 1996.

No final de 1996 é convidado pelo grupo SIPA (Saludães e Lorisa), líder na produção de arroz em Portugal e 3º na Europa, para assumir as funções de administrador-delegado com o objetivo de transformar este grupo de empresas deficitárias, promovendo a sua venda a novos acionistas. Após a implementação do plano de ação que concebeu, foi possível obter um EBITDA já positivo em 1998 e francamente positivo em 1999, o que permitiu a venda ao Grupo SOS – o maior produtor na Europa – nesse mesmo ano.

Ainda em 1999 transita para a sub-holding Media Capital Rádio, negócio de rádio do Grupo Média Capital, como administrador-delegado acumulando as funções de administrador-delegado da sub-holding Media Capital Exteriores, negócio de Outdoors do Grupo Media Capital.

No negócio da Rádio a sua prioridade foi a reformatação dos conteúdos, o reforço da cobertura – feita através de aquisições – e o aumento da performance operacional, que resultou num aumento das audiências (de 2% para 17,5%). Em simultâneo operou uma total reestruturação da equipa de vendas, tendo conseguido alcançar uma quota de 45% da publicidade em Rádio. Como resultados desta estratégia, o EBITDA passou de 100 mil euros em 1999 para 12,5 milhões de euros em 2002. No negócio de outdoors, a prioridade foi dada à reestruturação de um negócio em queda. Foi implementado um plano de redução e externalização de custos, bem como um plano de crescimento das receitas, que permitiu um regresso aos lucros em 2002.

No início de 2003 transita como administrador-delegado para o Grupo Amorim & Irmãos, atualmente o líder mundial de rolhas de cortiça (aproximadamente 35% de quota de mercado, produzindo mais de 4 mil milhões de rolhas). Liderou uma equipa com mais de 1.500 pessoas em 23 países, com instalações de produção e acabamento em 18 países. A prioridade durante a sua gestão assentou em 3 pilares: qualidade e inovação, crescimento sustentável e eficiência operacional. Desde 2007 que foram atingidos valores recordes de EBIT face ao passado, tendo a companhia, durante a sua gestão, sempre atingido resultados positivos.

Desde março de 2014 passou a integrar o conselho de administração do Grupo Controlinveste Conteúdos, onde desempenha as funções de presidente da comissão executiva.

Para além das funções executivas, desempenha ainda – em representação do Grupo – posições não executivas em diversos conselhos de gerência e de administração em empresas associadas e em joint-ventures detidas com parceiros.

Sociedades em que exerce funções / cargos sociais:

– Global Notícias, Publicações, S.A.
– Global Notícias – Agência de Informação e Imagens, S.A.
– Rádio Notícias – Produções e Publicidade, S.A.
– Jornal do Fundão, Editora, Lda.
– Açormedia – Comunicação, Multimédia e Edição de Publicações, S.A.
– Naveprinter – Indústria Gráfica do Norte, S.A.
– Rádio Jornal do Norte, Lda.
– TSF – Rádio Jornal de Lisboa, Lda.
– TSF – Cooperativa Rádio Jornal do Algarve, CRL.
– Difusão de Ideias – Sociedade de Radiodifusão, Lda.
– Pense Positivo – Radiodifusão, Lda.
– Notícias Direct – Distribuição ao Domicílio, Lda.
– VASP – Distribuidora de Publicações, S.A.
– Empresa Gráfica Funchalense, S.A.
– Rádio JF, Lda.

Kevin Ho King Lun

Administrador

Rolando António Durão Ferreira De Oliveira

Administrador

Rolando António Durão Ferreira de Oliveira nasceu a 28 de setembro de 1970 tendo frequentado o curso de Gestão do Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) – Universidade Técnica de Lisboa.

Desde 1992 tem trabalhado na área dos direitos audiovisuais desportivos, na negociação de conteúdos televisivos e publicitários desportivos e, em 1994, iniciou a sua participação na área da Comunicação Social, com o lançamento do jornal nacional diário desportivo O Jogo.

Em 1996 inicia os estudos para o lançamento do canal premium de televisão, a Sport TV, que culmina com o lançamento oficial em 1998, desempenhando desde essa data as funções de administrador.

Em 2005 liderou o processo de aquisição da Lusomundo Serviços, sendo desde essa data administrador da empresa que tomou o controlo de ativos como o Jornal de Noticias, Diário de Noticias, TSF, 24 Horas e Ocasião, entre outras publicações, ampliando a sua atividade no sector dos Media, bem como às áreas jusantes (distribuição, gráficas, entre outras).

É membro da direção da APDC – Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações.

É atualmente vice-presidente do conselho de administração do Grupo Controlinveste, com responsabilidades pelas áreas de estratégia, relações institucionais, jurídica, marketing e comunicação e recursos humanos.

Sociedades em que exerce funções/cargos sociais:

– Controlinveste, SGPS, S.A.
– Global Media Group, S.A.
– Sport TV Portugal, S.A.
– Olivedesportos – Televisão, Publicidade e Media, S.A.
– PPTV – Publicidade de Portugal e Televisão, S.A.
– Cosmos – Viagens e Turismo, S.A.
– Sportinveste Multimédia, S.A.

Jorge Paulo Pereira Carreira

Administrador

Jorge Paulo Pereira Carreira nasceu em Leiria em 25/11/1969. É licenciado em Gestão pelo Instituto Superior de Economia e Gestão – o 4º ano de curso foi concluído na EDHEC (École de Hautes Études Commerciales), em França, no âmbito do programa Erasmus.

Em 1993-1994 foi responsável pelo planeamento e controlo de gestão da TOTAL – Empresa Portuguesa de Petróleos, S.A.

Em 1994 entrou na Jornalinveste (grupo Controlinveste), iniciando também a sua participação na área da Comunicação Social, com o relançamento do jornal desportivo O Jogo, onde começou por exercer o cargo de diretor administrativo e financeiro, chegando mais tarde a administrador da empresa.

Em 1998, com a aquisição da agência de viagens Cosmos, passou a acumular funções de administrador naquela empresa, cargo que ainda mantém, estando diretamente envolvido no relançamento da atividade e crescimento daquela agência.

Em 2003 assumiu funções de diretor-geral na Sportinveste (entretanto incorporada na Controlinveste Media), holding da área de negócio de gestão de direitos televisivos, publicidade e patrocínios, passando a administrador executivo em 2005.

Em 2005 participa ativamente no processo de aquisição pela Controlinveste do então grupo Lusomundo Serviços (Controlinveste Media), exercendo o cargo de administrador executivo (Chief Financial Officer) do grupo de media até março de 2014.

Faz parte do Conselho de Administração da Global Media Group, nova “holding” do negócio dos media, na sequência do aumento de capital realizado em março de 2014, com a entrada dos novos acionistas (o grupo Controlinveste passou a deter 27,5% do capital).

É administrador executivo (Chief Financial Officer) do grupo Controlinveste com responsabilidades pelas áreas administrativa, financeira e planeamento e controlo.

É administrador / gerente das seguintes empresas:

– Controlinveste Media, SGPS, S.A.
– Olivedesportos, SGPS, S.A.
– Olivedesportos – Publicidade Televisão e Media, S.A.
– PPTV – Publicidade de Portugal e Televisão, S.A.
– Cosmos – Viagens e Turismo, S.A.
– Cosmos Angola – Viagens e Turismo, Lda.
– Cosmos España – Viajes y Turismo, S.A.
– Controlinveste Conteúdos, S.A.
– Global Notícias Publicações, S.A.
– Global Notícias – Agência de Informação e Imagens, S.A.
– Rádio Notícias – Produções e Publicidade, S.A.

José Pedro Soeiro

Administrador

José Carlos Barbosa Lourenço

Administrador

José Carlos Barbosa Lourenço, nasceu em 07/08/1968. Licenciou-se em Economia no Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) – Universidade Técnica. Possui Pós-Graduações em Logística e Distribuição, pelo Instituto Superior de Transportes (1997) e em e-commerce, pelo Instituto Superior de Economia e Gestão (2000).

Em 2014 concluiu com aprovação o Programa de Alta Direção de Empresas (PADE), na escola de negócios AESE.

Em 1992 iniciou a sua carreira profissional no escritório de Lisboa da Arthur Andersen, onde desempenhou funções de auditor e consultor, período durante o qual desenvolveu projetos em áreas de negócio tão distintas como telecomunicações, transportes aéreos, mineração, pasta de papel, cabos elétricos, impressão, entre vários outros.

Em 1996 transferiu-se para a multinacional inglesa da área da logística Tibbett & Britten, onde começou por desempenhar as funções de diretor administrativo e financeiro da operação portuguesa. Ascendeu às funções de diretor-geral em Portugal em meados de 1997, onde se manteve até Setembro de 1999. Durante este último período fez igualmente parte do board ibérico do Grupo.

Em 1999 aceitou o convite para ajudar a relançar a atividade da Vasp,uma das cinco distribuidoras de publicações existentes à época, na qualidade de diretor-geral. Manteve-se neste cargo até meados de 2008, período durante o qual a Vasp subiu do 3º lugar no ranking que então ocupava para a liderança absoluta do mercado em Portugal,com uma quota superior a 60%. Ao longo deste processo a Vasp atingiu não só relevante crescimento orgânico, como liderou o movimento de consolidação do setor.

Em Junho de 2008 iniciou funções como CEO da Impresa Publishing, unidade do Grupo Impresa que reunia as marcas de imprensa (Expresso, Visão, Caras, Exame, Activa entre outras, num total de 22 projetos). Na sequência da reorganização do Grupo Impresa ocorrida em Outubro de 2012, passou a desempenhar funções na Comissão Executiva do Grupo, na qualidade de COO para as áreas Comercial e de Marketing de todas as marcas (incluindo as marcas de televisão, como SIC, SIC Notícias, SIC Radical e SIC Mulher, e as demais marcas digitais e da área de imprensa).

Em Setembro de 2013, após sair do Grupo Impresa, fundou a empresa de consultadoria J.Lourenço Business Consulting dedicada ao apoio de PME’s em áreas estratégicas e operacionais, desempenhando as funções de CEO.

Desde Março de 2014 passou a integrar o Conselho de Administração do Global Media Group, fazendo parte da Comissão Executiva onde desempenha as funções de Chief Operations Officer (COO). No âmbito destas funções é responsável pelos pelouros Editorial, Comercial, Marketing, Produção (incluindo o negócio de impressão detido a 100% pelo Grupo) e Distribuição (incluindo a unidade especializada em logística e marketing direto que o Grupo detém a 100% nesta área).

Em 2017,  foi eleito Personalidade de Media nos Prémios anualmente organizados pela revista Meios e Publicidade.

Para além das funções executivas atrás descritas, desempenha o lugar de Administrador não Executivo da Lusa e ainda, em representação do Grupo, outros lugares não executivos em diversos conselhos de gerência e de administração em empresas associadas e em joint-ventures detidas com parceiros, e em associações ligadas ao sector dos Media.
Sociedades em que exerce funções / cargos sociais:

– Global Notícias, Publicações, S.A.
– Global Notícias – Agência de Informação e Imagens, S.A.
– Rádio Notícias – Produções e Publicidade, S.A.
– Açormedia – Comunicação, Multimédia e Edição de Publicações, S.A.
– Naveprinter – Indústria Gráfica do Norte, S.A.
– Rádio Jornal do Norte, Lda.
– TSF – Rádio Jornal de Lisboa, Lda.
– TSF – Cooperativa Rádio Jornal do Algarve, CRL.
– Difusão de Ideias – Sociedade de Radiodifusão, Lda.
– Pense Positivo – Radiodifusão, Lda.
– Notícias Direct – Distribuição ao Domicílio, Lda.
– VASP – Distribuidora de Publicações, S.A.
– Lusa – Agência de Notícias de Portugal, S.A.
– J.Lourenço Business Consulting, Lda.

Maria Teresa Pereira Machado da Graça

Administradora

Maria Teresa Pereira Machado da Graça, nasceu em 1 de Setembro de 1957, licenciada em Organização e Gestão de Empresas pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), em 1980.
Possui formação complementar em Sistemas de Informação e Gestão Imobiliária pelo Instituto Superior de Economia e Gestão (2005).

Acumulando uma experiência de cerca de 35 anos, tem concentrado a sua atividade na coordenação da área financeira, de gestão e sistemas de informação. Dos projetos em que esteve envolvida destaca-se a sua participação no desenvolvimento de novos negócios, aquisições, alienação de partes de capital, projetos ligados fundamentalmente às áreas de infraestruturas elétricas, de telecomunicações, caminhos de ferro, ambiente, energias renováveis, projetos de internacionalização e projetos de implementação de sistemas de gestão, nomeadamente o ERP SAP. Iniciou a sua carreira profissional no sector dos transportes, na Companhia Carris de Ferro de Lisboa, onde permaneceu até início de 1991, desempenhando diversas funções na área Financeira e Contabilidade como Técnica Economista e Chefe do Departamento de Gestão Financeira. Durante 3 anos acumulou o lecionamento de aulas de matemática. Ainda nesse ano, integra a CME, SA empresa do sector de Construção de Infraestruturas e Ambiente. Entre Fevereiro de 1991 e Dezembro de 1999 desempenhou funções de Diretora Financeira Adjunta e Chefe de Departamento de Gestão Financeira, acumulando com a Chefia do Departamento de Informática. Entre Janeiro de 2000 e Julho de 2001 desempenhou a função de Diretora Financeira. Posteriormente e a partir de Julho de 2001 incorpora a Procme, SA, holding do Grupo, como Diretora Geral, Membro da Comissão Executiva e Administradora de algumas Empresas do Grupo, até Junho de 2011. Desde então tem participado em projetos de consultoria de gestão em Portugal no sector da Saúde e Ambiente, dedicando-se ainda ao estudo de oportunidades de investimento a nível internacional, nomeadamente em Espanha, Brasil e Moçambique em sectores como Biotecnologia, Imobiliário e Agroindustrial.

Desde Setembro de 2016 passou a integrar o Conselho de Administração do Grupo Global Notícias Media Group,SA, fazendo parte da Comissão Executiva onde desempenha funções de Chief Financial Officer (CFO)

Sociedades em que exerce funções / cargos sociais:
– Global Notícias, Publicações, S.A.
– Rádio Notícias – Produções e Publicidade, S.A.
– Jornal do Fundão, Editora, Lda.
– Açormédia – Comunicação, Multimédia e Edição de Publicações, S.A.
– Naveprinter – Indústria Gráfica do Norte, S.A.
– Notícias Direct-Distribuição ao Domicílio,Lda
– TSF – Rádio Jornal de Lisboa, Lda.
– TSF – Cooperativa Rádio Jornal do Algarve, CRL.
– Difusão de Ideias – Sociedade de Radiodifusão, Lda.
– Pense Positivo – Radiodifusão, Lda.
– Global Notícias – Agência de Informação e Imagens, S.A.

 

Paulo Rego

Administrador

Philip Yip

Administrador